Homem acusado de matar a ex-mulher em Balneário Piçarras é condenado a 18 anos de prisão

0
553

Segundo informações, ao final do julgamento o Juiz, Luiz Felipe Vailatti, determinou a prisão imediata de Jaciel

Em julgamento que terminou por volta das 20h30 de ontem, quarta-feira, 17, o réu Jaciel Wilck foi condenado a 18 anos, cinco meses e 15 dias de prisão em regime fechado pela morte da searaense Neiva Aparecida de Oliveira, de 29 anos.

O júri foi realizado no fórum da Comarca de Balneário Piçarras. O réu era acusado de um homicídio qualificado contra a ex-companheira, crime que foi praticado em 24 novembro de 2015 neste município.

O acusado já havia sido julgado no dia 1 de agosto de 2017, no Fórum da Comarca de Balneário Piçarras. Naquela ocasião foi condenado a cinco anos de prisão, em regime aberto por esse mesmo crime. Como Jaciel havia ficado preso preventivamente por um ano ele saiu em liberdade daquele júri.

A família da vítima entrou com recurso para a anulação do julgamento, que foi acatado pela Justiça e um novo julgamento foi realizado.

O advogado searaense Márcio Dal Piva também atuou na acusação juntamente com o Ministério Público.

O réu, Jaciel Wilck, foi defendido pelo advogado Jonathan Moreira dos Santos, que não informou se pretende recorrer da decisão.

Fonte: Belos FM

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui