Polícia Civil confirma em laudo espancamento do cozinheiro homossexual de Balneário Piçarras

0
2829

A Polícia Civil de Jaraguá do Sul já recebeu o resultado do laudo de corpo de delito que confirmou as agressões sofridas pelo  jovem Anderson Krahl na madrugada do último sábado (4/9) em um ataque que, se suspeita, seja homofóbico.

O suspeito das agressões é o advogado Anderly Maykel Bell, que, inclusive, já foi condenado por outro crime.

Anderson, chefe de cozinha e natural de Balneário Piçarras, havia saído àquela noite para comer algo diferente e tomar uma cerveja. Lá, ele conheceu um grupo de pessoas e começou a conversar. O agressor estava entre eles, segundo Anderson.

“Eu acabei questionando ele, sem maldade nenhuma: ‘ah, mas você não é gay?”, relata o chefe. “Foi quando ele deu uma cuspida no chão e falou: “Gay? Vocês são umas aberrações! Vocês são anomalias!”, lembra.

Na saída do estabelecimento, houve o ato violento. Um vídeo foi divulgado nas redes sociais e causou comoção e indignação.

Foto e fonte: ND Mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui